sábado, 19 de julho de 2008

Nosso blog está mais colorido agora temos uma colunista glamurosa alegrando e iluminando com suas belas palavras nosso cantinho. Apresento á vocês BABINSK!!

Por: BABINSK

Um botão de rosa amarela....

Cheguei em casa e a vi sentada no banco embaixo do meu prédio, cabeça baixa...parecia cansada, em suas mãos um botão de rosa amarela.
Você a segurava com imponência e respeito. Havia esquecido a chave de casa, a minha casa, tão sua casa, tão nossa casa....os olhinhos tristes, a dor que iniciava na cabeça, estendeu a mão e me entregou a mais bela flor – trouxe para você!-
Entregando-me o presente que assemelhava-se a um anel de esmeralda, tamanho era seu valor. Já minha rosa amarela, era botão semi-aberto,de cor viva e um brilho como ouro, alguns espinhos e folhas muitas, recebi como o presente mais bonito e mais valioso, como se aquele botão fosse mágico e se transformasse em vários, para mim era o presente mais belo, mais sensível, mais importante e acima de tudo o mais perfeito.
Você não estava bem, havia vendido sua moto para pagar dívidas, estava triste e preocupada, mas mesmo assim lembrou-se de mim, da minha rosa em botão....da minha rosa amarela, sorriu-me de maneira leve, olhou-me no fundo dos olhos, pediu-me socorro, carinho e atenção..então eu a peguei no colo, fiz carinho em sua cabeça para amenizar a dor, vesti-lhe uma roupa confortável, fiz um chá...você tomou um remédio, embalei-a em meus braços, contei histórias e a fiz rir..tropeçamos em seus sonhos e esbarramos nos seu riso leve, suave e transparente.
A vida estava difícil, a intranqüilidade da vida capitalista consumista necessária, cobranças por todos os lados, contudo estávamos numa redoma envolta de amor e segurança, ninguém chegaria perto, não deixaria ninguém agredi-la ou desrespeita-la, ali ao seu lado como um cão de guarda, atenta ao barulho para não incomodá-la, alerta ao teu sono, zelando pelo teu descanso, quieta, feliz e intensa.Sua!
Olhava eu fixamente para o criado-mudo, e num copo com água minha rosa amarela abria-se, cumprimentando o meu amor e em seu silêncio dizia-me:
- Do meu jeito amo você!
Abracei-a, feliz dormimos....precisava de mais nada o meu dia.

8 comentários:

Anônimo disse...

Muito bonito o texto. Posso copiar?
Parabéns pelo blog, está lindo.Jandira

Dedo de Moça - OFICIAL disse...

pode copiar e colocar de quem foi a autoria bjkas

Anônimo disse...

Obrigada pela postagem!!!!Te adoro!!!Adoro o Dedo de Moça e adoro a sensibilidade da Cleo. Coma amor Babinsk.

Anônimo disse...

Que coisa mais linda....parabéns!

Bruna ** RJ disse...

A Creooo é mt massa... Eu sou amiga dela sabe.. Tenho o prazer de dizer isso suahsuasha...

Amoree, vc ta importante heim!! kkkkk

Ta show isso aki... Adorei a novidade

Bjussss da sua carioca marrentaa

Anônimo disse...

Texto lindo, maravilhoso,tb vou copiar.Ah.quando tem mais?
Gostei de ler coisas assim.

Anônimo disse...

Que gracinha de texto, eu adoro flor amarela também.Tá lindinho demais.Karlinha.

Anônimo disse...

Quando sairá outro texto? to curiosa.bj Adriana